Artista Ai Weiwei cria intervenção urbana com coletes salva-vidas

A obra do chinês, localizada em Nyhayn, na Dinamarca, chama atenção para as condições perturbadoras enfrentadas pelos refugiados

(Reprodução/Designboom)

O artista chinês Ai Weiwei está focando seus trabalhos na crise internacional dos refugiados. Sua última obra consiste em uma intervenção urbana em Nyhayn, na Dinamarca, feita com coletes salva-vidas.

(Reprodução/Designboom)

Até o dia 1 de outubro, as janelas do Charlottenborg Palace estarão bloqueadas com mais de 6 mil coletes salva-vidas coletados em Lesbos, a ilha grega por onde o fluxo de imigrantes passa para chegar à Europa.  

(Reprodução/Designboom)

Ai Weiwei deseja chamar atenção para as condições perturbadoras que os refugiados são submetidos durante a travessia em botes para fugir da guerra. O projeto foi inspirado na obra de Monet, de 1872, que retrata o porto em Le Havre, na França, ao final da guerra franco-prussiana (1870-1871).

(Reprodução/Designboom)

Fonte: Designboom

(Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s