Apê de 92 m² em São Francisco é dividido por cinco amigos

Os amigos mantém o espaço coeso e arejado, mas conseguiram imprimir estilo em cada um dos cômodos

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

Shelbie, seu namorado e mais dois amigos moravam em um apartamento pequeno, de apenas dois quartos em um prédio de São Francisco, Estados Unidos. Assim que a unidade de quatro dormitórios no andar de cima ficou vaga, a turma apressou a mudança para o local. Com eles, veio mais um amigo e, o antigo apartamento foi ocupado por outros colegas. Assim, o grupo sente que vive uma espécie de sitcom, compartilhando muitos momentos juntos.

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

O que há em comum entre os espaços são a luminosidade, a base neutra do décor e as soluções de armazenamento. Mesmo mantendo um espaço coeso e arejado, cada um conseguiu imprimir seu estilo nos quartos.

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

Shelbie é estudante de design de interiores, por isso está sempre atenta e cuidou do décor do ambiente, ajudando seus amigos a fazerem o mesmo. “Nós amamos nosso espaço por muitas razões. Sua funcionalidade, conforto e estilo são excelentes. Além disso, o apartamento tem um quintal enorme (uma raridade em San Francisco), muita luz, e uma vista incrível das colinas coloridas de Oceanview”, disse Shelbie para o Apartment Therapy.

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

As plantas estão espalhadas por todos os cantos da casa – é uma paixão de Shelbie. Cores, texturas, móveis vintage, telas de artistas contemporâneos e fotografias antigas têm seu lugar no décor eclético. O maior desafio neste lar é manter tudo limpo e organizado, já que, com cinco moradores, as coisas se acumulam rapidamente.

Quarto de Shelbie e Blake

O cômodo é grande, possui lareira, um espaço para escritório, closet e amplas janelas.

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

Quarto de MJ

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

Quarto de Myles

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

(Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

A vista da janela do apartamento (Reprodução/Esteban Cortez/Apartment Therapy)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s