Projeto de lei visa que apartamentos incluam redes de proteção

O Projeto de Lei nº 138/2017 visa obrigar as construtoras a fornecer redes e telas nas janelas, varandas e sacadas dos apartamentos novos de São Paulo

Protocolado na tarde de hoje pelo vereador Rinaldi Digilio, o Projeto de Lei nº 138/2017 visa facilitar um elemento de segurança que é essencial para quem tem crianças em casa.

Se aprovada, a lei obrigará as construtoras a entregar os novos apartamentos da cidade de São Paulo já com redes e telas de proteção nas janelas, varandas e sacadas. O projeto teria um papel fundamental na prevenção dos acidentes em apartamentos.

“O custo desse tipo de equipamento é muito baixo comparado ao valor do imóvel que o comprador paga para a empresa. Além disso, qual o preço de preservar vidas de nossas crianças?”, conta Digilio. “É claro que esse é apenas um dos cuidados para evitar acidentes, mas queremos que as crianças estejam seguras e felizes”, finaliza.

O morador pode escolher se quer a proteção ou não, mas a construtora deve oferece-la – em caso de descumprimento será aplicada uma multa de mil reais que dobrará de valor 30 dias após a primeira autuação.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s