Obelisco Espacial em Seattle será reformado por US$100 milhões

Com o projeto, o observatório ficará mais acessível e ganhará vista 360º do horizonte da cidade

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

O famoso Obelisco Espacial em Seattle, nos Estados Unidos, passará por uma reforma de 100 milhões de dólares. O objetivo é garantir a preservação da estrutura e melhorar a experiência dos visitantes, com novos pontos de vistas.

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

O projeto de Olson Kuding e Tihany Design pretende eliminar a desordem visual causada pelas paredes e grades de segurança. A ideia é colocar vidros do chão ao teto no observatório, tanto no lado interno quanto no externo da torre, permitindo uma vista 360º.

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

O vidro aumentará o ângulo de visão dos turistas e ajudará na iluminação local, além de abrir espaço para a instalação de bancos. A reforma também priorizará a acessibilidade, alargando escadas e corredores. 

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

Além disso, o andar do restaurante SkyCity será alterado, criando um piso de vidro giratório, com vista para a estrutura interna. Uma escada de ferro e madeira, ligando o SkyCity ao observatório, também será construída.

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

A restauração está sendo feita em parceria com um dos engenheiros responsáveis pelo projeto original, para garantir que o Obelisco não perca o seu espírito. A reforma começará em setembro de 2017 e a previsão é de que fique pronta em junho de 2018.

Confira mais fotos de como o projeto ficará:

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

Obelisco Espacial em Seattle será reformado com US$100 milhões

(Reprodução/ArchDaily)

Fonte: ArchDaily

(Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s