Apê de 167 m² em São Paulo segue décor autêntico e alegre

Assinado pelo escritório Corazza Benine, este projeto no bairro do Alto de Pinheiros exalta o uso de cores vivas em ambientes amplos

(Mariana Orsi/Divulgação)

Um casal convidou o escritório Corazza Benine para reformar o apartamento onde mora com a filha no Alto de Pinheiros, em São Paulo. A família desejava um projeto que ampliasse o espaço e a funcionalidade da casa, mas que também refletisse a personalidade de cada um.

(Mariana Orsi/Divulgação)

Para isso, o escritório realizou algumas mudanças estruturais no projeto. A cozinha foi integrada à sala através de uma grande porta de correr, enquanto revestimentos, forros e iluminação foram projetados de forma proposital para dar personalidade aos ambientes.

(Mariana Orsi/Divulgação)

(Mariana Orsi/Divulgação)

Na decoração, o estilo contemporâneo norteia os ambientes. Os moradores solicitaram um décor que tivesse uma linguagem limpa e alegre, refletindo a personalidade da família.

(Mariana Orsi/Divulgação)

As cores prediletas do casal e da filha também foram usadas nos interiores. Para deixar o ambiente personalizado e autêntico, objetos com memória afetiva guardados por eles, como o espelho do lavabo que pertenceu a gerações passadas, foram incorporados na decoração.

(Mariana Orsi/Divulgação)

Na cozinha, a laca brilhante amarela compõe com o painel de azulejos da Calu Fontes em preto e branco. Já na sala, o bar roxo também de laca brilhante, conversa com os demais tons azulados e acinzentados do ambiente.

(Mariana Orsi/Divulgação)

(Mariana Orsi/Divulgação)

Na cozinha, o amarelo do armário aquece o ambiente e quebra o branco e preto da bancada e dos azulejos da Calú Fontes. O painel de azulejo foi o ponto de partida do projeto do espaço.

(Mariana Orsi/Divulgação)

“Os clientes se apaixonaram pelo trabalho da Calú Fontes e queriam colocar as peças sobre a bancada. Para contrastar com o preto e branco da pedra, foi colocado um armário de laca brilhante amarelo. Assim o ambiente ficou mais quente, alegre e aconchegante”, explicam Amanda Corazza e Fabiana Benine. 

(Mariana Orsi/Divulgação)

A ousadia das cores das marcenarias é um dos grandes destaques do projeto final. Na suíte principal, a cabeceira iluminada traz uma agradável luz indireta e cria um nicho de apoio para a cama.

(Mariana Orsi/Divulgação)

(Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s