Apê de 160 m² em São Paulo mistura décor industrial e colorido

Com três filhos, os moradores deste apartamento em São Paulo desejavam um espaço confortável dedicado para a convivência familiar

(ATA Photograph/Divulgação)

Um casal de advogados convidou a arquiteta Duda Senna para projetar o novo apartamento de 160 metros quadrados no bairro da Vila Leopoldina, em São Paulo. Por conta dos gêmeos recém-nascidos e um filho de três anos, os moradores fizeram questão que a casa proporcionasse a convivência familiar.

(ATA Photograph/Divulgação)

Para criar a sensação de amplitude, a arquiteta optou por integrar o terraço com a sala, nivelando os dois pisos. Para dividir os ambientes, uma porta de vidro bem discreta foi instalada na parede. Com espaço de sobra, também houve integração com a sala de jantar.

(ATA Photograph/Divulgação)

A decoração segue influências do estilo industrial, resultado do uso do cimento queimado nas paredes e dos tijolinhos à mostra. Com cores vibrantes, o mobiliário suaviza o estilo. No sofá, a tendência dinamarquesa hygge, destaque da revista CASA CLAUDIA de junho, traz o clima de inverno.

(ATA Photograph/Divulgação)

Os tijolinhos da Palimanan se repetem na parede da cozinha, mantendo a pegada industrial do décor. O destaque do ambiente fica por conta da combinação harmônica entre os tons da madeira freijó, da laca branca e da bancada amarela da Cement Design, que cria uma composição alegre e descontraída.

(ATA Photograph/Divulgação)

Um dos desafios do projeto foi otimizar o espaço para, pelo menos, cinco pessoas sentadas, além de um apoio para as babás. A bancada também precisava ser grande o suficiente para o preparo das comidinhas das três crianças. A solução, então, foi projetar a bancada principal na forma de L, ocupando a área central da cozinha.

(ATA Photograph/Divulgação)

Vibrante e alegre, a suíte dos gêmeos foi transformada no espaço perfeito para as brincadeiras, instigando a criatividade dos pequenos. A marcenaria da brinquedoteca foi feita sob medida.

(ATA Photograph/Divulgação)

No quarto do filho mais velho, a necessidade era uma estante capaz de organizar os livros e brinquedos da criança, mas que também fosse de fácil acesso para ele. A solução encontrada pela arquiteta foi instalar um suporte em um nível um pouco acima da cama, evitando que a criança se machuque.

(ATA Photograph/Divulgação)

Com um décor mais clean e sereno, o quarto do casal é o refúgio ideal para o descanso. A cabeceira de cama estofada da Estofados WG é um dos destaques do ambiente.

(ATA Photograph/Divulgação)

(ATA Photograph/Divulgação)

(Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Franciele Mielke

    Mas e a questão da limpeza da parede da cozinha? Os tijolos são ásperos e juntam facilmente a gordura.

    Curtir