Apê no Rio é uma verdadeira galeria à beira-mar

Depois de anos morando no exterior, os moradores voltaram ao Brasil em grande estilo: vivem em Ipanema, cercados por móveis italianos e obras de arte

Na sala, as poltronas azuis e de couro são de Antonio Citterio (B&B Italia). Junto à janela, mesa de jantar da Porro e pendente Twiggy, da Foscarini. O tecido da cortina foi comprado numa viagem (confecção da Cortinaria). (André Nazareth/Revista CASA CLAUDIA)

Ela é argentina, e ele, carioca. O encontro foi em Boston, onde estudaram direito. Ali, na temporada norte-americana, se aproximaram do universo do design e ficaram encantados com os móveis de linhas simples e qualidade de ponta exibidos nas vitrines. Voltaram para o Rio, a família cresceu e, no momento de escolher o endereço definitivo, optaram por morar em frente à Praia de Ipanema, num imóvel de cerca de 500 m² em um prédio antigo.

À esquerda, sofá de Patricia Urquiola (B&B Italia) e tela do artista Eduardo Stupia. Mesa de centro da Cappellini e tapete da By Kamy. À direita, mesa de jantar criada pelas arquitetas (Marcenaria Serpa), cercada de poltronas do Arquivo Contemporâneo. Quadro de Gabriela Machado. (André Nazareth/Revista CASA CLAUDIA)

Com o negócio fechado, restava tornar o espaço mais fluido e adaptado à rotina dos três filhos pequenos. Foi quando convocaram as arquitetas Roberta Moura, Paula Faria e Luciana Mambrini para redesenhar a planta e pensar nos interiores.

À esquerda, armários de cozinha com puxadores embutidos da Florense. À direita, no escritório, as cadeiras coloridas ficam lado a lado na bancada desenhada pelas arquitetas e executada pela Serpa
Marcenaria. (André Nazareth/Revista CASA CLAUDIA)

“Os moradores deixaram claro que o foco da decoração era investir em bom desenho e peças com vida longa. Pediram uma base limpa, pois a ideia era deixar a coleção de arte em destaque. Até porque tinham vários quadros bacanas e pretendiam ampliar o acervo”, conta Roberta.

No quarto do casal, tons crus criam um clima simples e aconchegante. A cama é da Casa Pronta, e a cortina, da Cortinaria. Já a cômoda foi produzida pela Marcenaria Serpa. (André Nazareth/Revista CASA CLAUDIA)

Na escolha dos móveis, o trio de profissionais privilegiou o design italiano, que o casal conhecia de longa data e do qual era fã. “Sugerimos sofá, poltronas e mesas dentro de uma paleta de cores neutra, em que o cru prevalece. Mas incluímos alguns estofados azuis para fazer uma relação com a vista do mar que se tem na janela”, explica Paula.

O piso e a bancada de limestone recortada chamam a atenção no lavabo, forrado de papel de parede preto (Cortinaria). Os metais são da Deca. (André Nazareth/Revista CASA CLAUDIA)

A irmã da proprietária, a arquiteta argentina Ximena Fontan Balestra, colaborou no projeto de interiores. “Ela conhecia bem o gosto da família”, completa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s