Casa em São Paulo com decoração vintage e colorida

A artista plástica Annelise de Salles combinou peças de estilos e épocas diferentes, compondo ambientes harmônicos e autênticos

Apesar da formação em moda, Annelise de Salles é avessa ao que está em alta no momento. “Quando vejo que algo é considerado tendência, já não me interessa”, conta ela, que hoje atua como artista plástica. Entre a criação de roupas e o envolvimento com as artes, foram alguns anos de amadurecimento.

Cadeiras de vime feitas por encomenda na sala de Annelise (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

Na moda, ela sempre produzia peças únicas, pois não sentia vontade de fazer coleções comerciais, e, em paralelo, criava algumas pinturas. Somente depois que teve seus flhos, ela resolveu se dedicar aos quadros e às colagens de um modo profssional. “Fiz um curso em Londres e depois entrei para uma galeria. A partir disso, resolvi fcar totalmente imersa no mundo das artes”, diz.

A obra de Annelise ganha destaque na lareira amarela (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

Móvel mineiro do começo do século 20 (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

Com um talento raro para fazer misturas inesperadas em suas criações, ela usou esse mesmo olhar na decoração de sua casa, em São Paulo.
Peças de estilos e épocas diferentes se combinam num enredo harmonioso, enquanto tecidos coloridos vestem móveis e paredes.

Quadro de Annelise. O carrinho de chá, comprado em Nova York, veio desmontado na mala da artista (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

O resultado é um visual vintage afinado com a arquitetura do imóvel da década de 1950. “Quando decorei a casa pela primeira vez, há 18 anos, pensei em seguir um caminho diferente e fazer algo clean. Mas não consegui. De repente, já havia comprado um sofá de veludo vermelho e alguns tecidos coloridos para colocar em cima dele”, lembra. De lá para cá, os ambientes foram ganhando ainda mais objetos e enfeites, garimpados aqui mesmo ou durante suas viagens mundo afora.

(Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

O globo era da casa da avó. Baú da L’Oeil (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

Annelise não tem medo de apostar no que gosta e de não seguir regras. “Desde muito jovem, sempre curti a ideia de misturar materiais e cores. Não me preocupo se outras pessoas vão gostar ou não do resultado”, diz. Assim, suas obras de arte, de traços contemporâneos, figuram entre peças de antiquários e mercados de pulgas. A mesma expertise que ela mostra na escolha dos tons de suas pinturas foi usada na definição do amarelo para cobrir as duas lareiras – uma em cada sala –, que trazem um toque descolado ao décor.

A artista na poltrona de veludo, que é uma das heranças da avó. A cortina veio de um brechó em Roma (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

Vaso da Garimpo da Kitty (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

“Adoro garimpar nas feiras do Bixiga e da Praça Benedito Calixto, em São Paulo. Há muitas coisas interessantes nesses lugares. Outras peças são herança de família”, conta. Um exemplo é o globo sobre o baú, que veio da casa da avó, assim como outros móveis repletos de memórias. Apesar disso, a artista não se prende a suas peças. “Sou desapegada. Gosto de tudo que tenho aqui, mas, se precisar trocar a decoração, não vejo problema”, diz.

Coleção de revistas de arte e peixes de metal, presentes de uma amiga (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

No momento, porém, mudanças na casa não estão nos planos. “Preciso colocar a minha criatividade em um único foco e a pintura tem me tomado todo o tempo agora”, conclui.

O espelho foi garimpado em uma antiga fazenda (Marco Antonio/Revista CASA CLAUDIA)

(Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Rafael Gomes

    Obrigado pela dica, vou lá conhecer as feirinhas do Bixiga.
    Rafael – paredesdecoradas.com.br

    Curtir