CASA CLAUDIA LUXO 2017 propõe uma reflexão entre passado e futuro

A edição deste ano, que chega às bancas no próximo dia 14, aborda a ponte que liga a tradição e o futuro no design, na arquitetura e na decoração

CASA CLAUDIA LUXO 2017

 (Divulgação/CASA CLAUDIA)

A edição de 2017 da CASA CLAUDIA LUXO chega às bancas no próximo dia 14 com uma reflexão sobre a relação entre passado e futuro dentro dos cenários da arquitetura, da decoração e do design. Uma das reportagens em destaque aborda a arte da vidraçaria, um trabalho que evoluiu por séculos nas mãos de artesãos. Foi este tema que inspirou a capa, com as oníricas luminárias da Bocci.

A vidraçaria se renova com marcas e designers contemporâneos, que criam peças inovadoras e cheias de estilo ao aliar técnicas antigas de sopro a muita imaginação

A vidraçaria se renova com marcas e designers contemporâneos, que criam peças inovadoras e cheias de estilo ao aliar técnicas antigas de sopro a muita imaginação (Divulgação Lasvit/CASA CLAUDIA)

Em Paris, fomos conhecer o novo Hôtel de Crillon, um palacete do século 18, que passou quatro anos fechado para uma reforma não só estrutural mas também no décor, que reuniu algumas das maiores estrelas da arquitetura e mestres artesãos que cultivam técnicas ancestrais.

Hôtel de Crillon Hôtel de Crillon

Hôtel de Crillon (Divulgação/CASA CLAUDIA)

Em uma reportagem sobre o design afetuoso, descobrimos origens e memórias que proporcionam a sensação de calor e de pertencimento, como nos revela a curadora de design Adélia Borges. Um sentimento tão presente no trabalho dos artistas que mostramos nessa matéria quanto nos quilts confeccionados por senhoras do interior do Alabama, nos Estados Unidos, que lembram pinturas de Matisse e Paul Klee – tema de outra reportagem. Ou na trajetória da dupla italiana do Dimorestudio, que coloca em seus projetos o melhor da tradição italiana numa atmosfera de sonhos, tão escapista e tão atual.

Quilts confeccionados por senhoras do interior do Alabama, nos Estados Unidos

Quilts confeccionados por senhoras do interior do Alabama, nos Estados Unidos (Getty Images/CASA CLAUDIA)

Além disso, você vai encontrar uma matéria em que o francês Mathieu Lehanneur fala sobre suas criações visionárias, outra que mostra que inovação, cultura e sustentabilidade estão mudando a cara dos tecidos usados na decoração, e um ensaio que prova que, com grafismos poderosos, os tapetes estão com tudo no piso e na parede.

Tapete Rug Society

Tapete Rug Society (Divulgação/CASA CLAUDIA)

Esta edição é um convite à reflexão sobre legados, sobre o presente e sobre o que o futuro nos reserva. Não perca!

O evento de lançamento acontece hoje (12), em São Paulo (SP), na Casa de Vidro – um projeto da arquiteta Lina Bo Bardi. Na ocasião, um grupo seleto de convidados receberá a edição primorosa dentro de uma caixa-espelho assinada pelo arquiteto e designer Rodrigo Ohtake e executada à perfeição pela Glass 11, sob a batuta de Matheus Primo, com vidros AGC. Confira a seguir, em vídeo, o resultado da peça que servirá como objeto de design, podendo ser usada sobre a mesa ou colocada na parede, como espelho.

Acompanhe a cobertura do evento pelo nosso instagram!

 

 

 (Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s