Ettore Sottsass: o designer italiano ganha exposição em São Paulo

A mostra é dedicada à linha de móveis e objetos para escritório criada para a fábrica Olivetti e acontece no Museu da Casa Brasileira

 (Divulgação/Istituto Italiano di Cultura de São Paulo)

2017 é o ano do centenário do designer Ettore Sottsass. Filho de um italiano e uma austríaca, Sottsass formou-se em arquitetura na Universidade Politécnica de Turim, serviu em um campo de concentração durante a Segunda Guerra, e, em seguida, iniciou sua carreira com um estúdio próprio em Milão. Ali, desenvolveu seu trabalho com peças que priorizavam a estética. Em 1958, tornou-se responsável pelo design dos produtos Olivetti – fabricante de computadores, impressoras e outros equipamentos empresariais –, o que lhe traria reconhecimento internacional ao criar produtos inovadores e esteticamente atraentes. O cantor David Bowie era profundo apreciador de suas obras e, algumas delas foram leiloadas no final do ano passado.

Para homenagear o designer, uma parceria entre o Istituto Italiano di Cultura de São Paulo e o Museu da Casa Brasileira traz à São Paulo a exposição Sottsass Olivetti Synthesis. É a primeira mostra dedicada à linha de móveis e objetos para escritório Synthesis 45, apresentada pela fábrica Olivetti em 1972 e desenhada por Ettore Sottsass, que faleceu em 2007, em Milão. A abertura da exposição acontece às 19h do dia 28 de março, com entrada gratuita, e fica em cartaz até o dia 14 de maio.

 (Divulgação/Istituto Italiano di Cultura de São Paulo)

“É com imenso prazer que o Istituto Italiano di Cultura apresenta em São Paulo, uma metrópole que ditou, como poucas, o ritmo da modernidade, Sottsass Olivetti Synthesis, uma emblemática exposição do extraordinário e bem-sucedido percurso do design italiano e, ao mesmo tempo, uma homenagem a um dos mais geniais intérpretes do estilo italiano, que se tornou familiar no cenário mundial”, afirma Renato Poma, diretor do IIC, instituição responsável por trazer a mostra da Itália ao Brasil.

A exposição chega a São Paulo após uma primeira exibição em maio de 2016, durante a XV Bienal de Arquitetura de Veneza, no showroom da Olivetti localizado na Praça de São Marcos e projetado por Carlo Scarpa em 1958.

A mostra traz em torno de 50 peças, dentre elas: mesas de trabalho, cadeiras, arquivos, máquinas de escrever, mesas de apoio, além de acessórios como cabideiros, porta-guarda-chuvas, lixeiras, cinzeiros e porta-canetas, todos originais da época produzidos na sede Olivetti Synthesis de Massa Carrara, na Toscana, Itália. A exposição traz também uma série de imagens de escritórios feitas pelo fotógrafo Gabriele Basilico (1944-2013), um dos mais célebres profissionais do mundo no registro arquitetônico.

 (Divulgação/Istituto Italiano di Cultura de São Paulo)

Na realização de Synthesis 45, Sottsass e seus colaboradores – nomes como Perry King, Albert Leclerc, Bruno Scagliola, Tiger Umeda e Jane Young – redesenham a “paisagem do trabalho”, criando um modelo em que a um sistema modular se associa uma maior flexibilidade de arranjos e o respeito pela liberdade do indivíduo. Inaugura-se, assim, uma introdução à pós-modernidade na arquitetura de interiores, fruto de um rigor racionalista associado à estética transgressiva da pop-art. “Foi uma proposta, ainda para os tempos de trabalho não digitalizado como hoje, que apresentou uma nova estética para escritórios abertos, formalmente mais descontraída e colorida que os sistemas existentes até então”, observa Giancarlo Latorraca, diretor técnico do MCB.

LEIA TAMBÉM: A libertação do design e o movimento Memphis

Sottsass Olivetti Synthesis tem curadoria de Marco Meneguzzo, crítico de arte e professor de História da Arte Contemporânea na Accademia di Belle Arti de Brera, Alberto Saibene, historiador da cultura, cineasta e documentarista, e Enrico Morteo, arquiteto, historiador e crítico de design e arquitetura. Os curadores estarão presentes na abertura da exposição, que se insere no calendário do Italian Design Day, uma iniciativa promovida pelo Ministério das Relações Exteriores e da Cooperação Internacional da Itália para comemorar a excelência do design italiano no mundo inteiro. O Italian Design Day ocorre paralelamente à primeira jornada da 56ª edição do Salão do Móvel de Milão, de 4 a 9 de abril.

Sottsass Olivetti Synthesis

Quando: de 28 de março a 14 de maio (de terça a domingo, das 10h às 18h)

Onde: Museu da Casa Brasileira (Av. Brigadeiro Faria Lima, 2705, Jardim Paulistano)

Quanto: R$ 8 e R$ 4 (meia-entrada) | Crianças até 10 anos e maiores de 60 anos são isentos | Pessoas com deficiência e seu acompanhante pagam meia-entrada | Gratuito aos finais de semana e feriados

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s