Ambientes

5 varandas de encher os olhos

1. Receber à beira-mar

Na cidade portuguesa de Cascais, a varanda de 100 m² se estende pelo apartamento de veraneio de uma família carioca. O espaço cumpre o papel de sala de estar informal, na medida para os donos curtirem a paisagem e os amigos. À arquiteta Andrea Chicharo, do Rio de Janeiro, coube a tarefa de deixá-la acolhedora: “Elegi móveis confortáveis de design assinado. Os tons combinam com o mar ali adiante”.

 

2. Recanto masculino

Chegar do trabalho e bebericar um bom drinque, apreciando a vista para o bairro, é um dos prazeres do dono deste apartamento paulistano, que pediu à arquiteta Flavia Sá para transformar a varanda de 8 m² num espaço só dele. Com deque de cumaru, o local ganhou revestimentos e móveis escuros, como o armário de laca, desenhado pela profissional para abrigar os itens do bar.

3. Vontade de ter um jardim

Num prédio dos anos 1940 no bairro de Higienópolis, em São Paulo, esta área de 2 m² atende ao desejo da moradora de estar mais perto da natureza. “Ela gosta de observar os pássaros, por isso plantamos um pé de jabuticaba para que eles apareçam por aqui”, conta Ana Galli, a arquiteta responsável pelo projeto, que uniu peças de design às antigas.

4. Para celebrar encontros

Os fins de semana neste apartamento em São Paulo ficaram ainda mais agitados quando a varanda de 15 m² foi transformada em área gourmet pela arquiteta Eliane Mesquita. O proprietário adora ter os amigos por perto enquanto comanda a churrasqueira e faz questão de dispor de cervejas geladas ao alcance das mãos – na bancada, a geladeira embutida conserva as de marcas premium na temperatura ideal.

5. Momento de relaxar

Fernanda Dabbur projetou este espaço de 30 m² para que os moradores pudessem curtir a família com alegria nos dias de folga. Aqui, o casal aproveita o tempo livre para ler na companhia dos dois filhos. “Eles queriam tranquilidade, então busquei inspiração na cultura oriental e optei por tons azuis para harmonizar o ambiente”, explica a arquiteta.