Amazônia recebe hotel 100% sustentável

A nova área social do hotel Cristalino Lodge, no sul da Amazônia, convida os hóspedes a aproveitar o melhor da vida em contato com a exuberante natureza local.

 

 

O paulista Ariosto da Riva era um desbravador incansável. Na adolescência, saiu de casa para trabalhar em garimpos de diamante e, em 1970, fundou algumas cidades, como Alta Floresta, no Mato Grosso, quase divisa com o Pará. As incríveis histórias desse colonizador moderno inspiraram a família, que carrega no DNA seu espírito aventureiro. Entre os exemplos mais notáveis, está o pioneirismo de Vitória da Riva, uma das filhas de Ariosto, que na década de 1990 incentivou o ecoturismo na região amazônica ao construir o hotel Cristalino Lodge numa propriedade de 11 mil hectares, transformada em Reserva Particular do Patrimônio Nacional (RPPN). O projeto arquitetônico, com assinatura de Adriana da Riva, filha de Vitória, está ancorado em práticas sustentáveis, tirando partido de aquecimento solar, reúso de água, ventilação natural e iluminação com lâmpadas de LED. Ali, o gerador é ligado poucas vezes ao dia. “Para erguer o primeiro bangalô, ‘importei’ um carpinteiro de São Paulo, que ensinou os operários a construir com madeira. Essa transferência de tecnologia formou uma boa equipe”, conta a arquiteta, também responsável pela cuidadosa implantação do hotel. A boa-nova é a inauguração da área social, que inclui ambientes de estar, restaurante, sala de conferência e cozinha, tudo ligado por deques. Neles, foi usada madeira proveniente de áreas de manejo florestal. O cumaru dos deques, vigas e piso resiste bem à chuva. A garapeira está nos espaços internos, no teto e nas paredes. “A madeira é um dos mais belos materiais para dialogar com a natureza do entorno”, diz Adriana. A riqueza preservada da fauna e da flora atrai gente de todo o mundo em busca de uma experiência íntima com a floresta e com o rio Cristalino, que inspira o nome do hotel. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s