Antiga fábrica é transformada em restaurante industrial. Veja o projeto!

Colunas de concreto, paredes de tijolos e vigas foram mantidas do projeto original e se tornaram a base do estilo industrial do novo restaurante

01-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

Nós somos fãs de lugares que são reaproveitados e transformados em ambientes completamente diferentes, caso desta garagem de ambulâncias e das casas que já foram igrejas. O mais novo projeto do tipo, o restaurante Hoogan & Beaufort, em Montreal, no Canadá, prova exatamente porque gostamos tanto disso: a tradição do prédio original – uma fábrica de vagões ferroviários que funcionou de 1900 a 1992 – recebeu uma modernização no interior, criando um espaço único.

02-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

Assinado pelo estúdio canadense Appareil Architecture, o espaço manteve diversos elementos da fábrica, como as colunas de concreto, as paredes de tijolos tom terra, e o teto de 8,5 metros de altura. O estilo industrial já existente nesses detalhes foi então explorado na decoração, principalmente por meio da escolha de materiais e da base que mistura madeira ao branco e preto.

03-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

“A ordem era criar um restaurante moderno com capacidade para 70 lugares e com uma atmosfera intimista e confortável, enquanto homenageando a história do prédio. Paredes de tijolo, vigas e faixas de teto foram mantidas. Materiais crus como o ferro, madeira e concreto foram selecionados para complementar o espírito do lugar. O estúdio UNIT se uniu ao designer de restaurantes Alexander Baldwin para criar as luminárias e cadeiras únicas, adicionando um toque retrô e chique ao espaço”, os profissionais explicam na página oficial do projeto.

04-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

Especializado na culinária continental, o restaurante de 251 metros quadrados ganhou também uma cozinha aberta, pensada para atrair os clientes e reforçar a unidade do Hoogan & Beaufort. “Nós queríamos recriar a atmosfera festiva que é encontrada ao redor de uma fogueira”, Kim Pariseau, da Appareil Architecture, contou ao Dezeen, que publicou o projeto.

05-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

Outro destaque é a luz natural, que invade o espaço através de grandes painéis de vidro, e a parede ao fundo, que abriga nichos com adegas, garrafas de vinho, louças, taças e a lenha utilizada na fogueira que também habita o local. 

06-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

07-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

08-restaurante-montreal-antiga-fabrica-transformacao

 (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s