Edifício do Sebrae é eleito o mais sustentável da América

Baseado no conhecimento dos povos do Xingu, o arquiteto José Portocarrero aplicou estratégias para minimizar impactos ambientais no projeto matogrossense

 (Divulgação/Sebrae)

O Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS), localizado em Cuiabá no Mato Grosso, recebeu o título de Melhor Edifício Sustentável das Américas pelo BREEAM Awards 2018, concedido por um dos principais métodos de avaliação em sustentabilidade para projetos arquitetônicos do mundo. Além disso, o edifício venceu também na categoria Melhor Construção Sustentável por voto popular digital.

 (Divulgação/Sebrae)

Projetado pelo arquiteto, urbanista e Doutor em habitações indígenas José Portocarrero, o prédio foi inspirado em habitações da tribo Yawalapiti, povo que vive no Xingu, região da Amazônia matogrossense. Baseado na sabedoria desses povos ancestrais, o Centro foi concebido com foco em minimizar os impactos ambientais, utilizando estratégias de conforto térmico e integração com a natureza.

Veja também: Projeto no Tocantins vence Building Of The Year 2018

O Sebrae, uma entidade privada que promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos empreendimentos de micro e pequeno porte, tinha como objetivo a criação de um espaço que transmitisse práticas sustentáveis simples, e que inspirassem os microempresários à implementar medidas ecologicamente amigáveis em seus próprios negócios.

 (Divulgação/Sebrae)

A sustentabilidade foi aplicada em todas as etapas do projeto. Na estrutura, fachadas em vidro e brises móveis, que podem ser acionados de acordo com a posição do sol, facilitam a entrada de luz natural.

A cobertura do prédio foi feita em duas cascas, o que possibilita a captação da água de chuva e, posteriormente, a sua reutilização. Além disso, ao cair entre as camadas do telhado, a água da chuva também ajuda a resfriar o ambiente interno, garantindo um menor consumo de energia elétrica pelo sistema de regulação de temperatura. Os materiais selecionados para a construção são de baixo impacto ambiental e com certificações de origem, como o piso construído com resíduos de marcenaria.

A maior inovação do projeto é a inauguração de uma usina solar fotovoltaica que produz 100% da energia elétrica consumida, sendo que metade dessa energia é usada na Sede do Sebrae Mato Grosso.

 (Divulgação/Sebrae)

O Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS) concorreu com outros 68 edifícios de todo o mundo no BREEAM Awards 2018. A BREE é uma antiga empresa certificadora de construções sustentáveis no mundo, sediada em Londres. Com o prêmio, procura incentivar empresas e instituições à seguir padrões mais ecológicos nas construções de suas propriedades, através da redução das emissões de carbono, design de baixo impacto, adaptação às mudanças climáticas, valor ecológico e proteção da biodiversidade.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s