Morre o arquiteto americano Neave Brown, aos 88 anos

O profissional foi escolhido pelo RIBA como vencedor da Royal Gold Medal de 2018

 (Gareth Gardner/Royal Institute of British Architects)

Nascido em 1929 em Utica, Nova York, o arquiteto Neave Brown faleceu de câncer, aos 88 anos, no dia 9 de janeiro. Atuando na área desde 1950, o profissional foi reconhecido no ano passado pela mais alta honra de arquitetura do Reino Unido, a Royal Gold Medal de 2018, entregue pelo Royal Institute of British Architects (RIBA). Devido à sua doença, Brown recebeu a medalha no final de 2017.

22-32 Winscombe Street, em Camden, Londres.

22-32 Winscombe Street, em Camden, Londres. (Martin Charles/RIBA Collections/Royal Institute of British Architects)

Professor na Inglaterra, Europa e Estados Unidos, também atuou como membro e external examiner da Visiting Board do RIBA. Entre suas obras, construiu prédios na própria Inglaterra, assim como na Itália e nos Países Baixos. Destacam-se 22-32 Winscombe Street e Alexandria Road Estate, ambos em Camden, Londres.

O profissional foi escolhido pelo RIBA como vencedor da Royal Gold Medal de 2018

 (Reprodução/Dezeen)

“Por meio de suas obras construídas – e, acima de tudo, o aclamado conjunto urbano de Alexandra Road –, Brown forneceu um modelo de arquitetura que não é apenas excepcional na sua forma, mas está profundamente enraizado tanto nas relações sociais que ele sustenta quanto no tecido urbano que reforça. Neave Brown representa a arquitetura em seu pleno sentido, como a criação de edifícios e cidades que não são apenas lindas para contemplar, mas que também tornam a nossa sociedade um lugar mais rico e melhor para viver”, disse Mark Swenarton, historiador de arquitetura e professor, na nomeação da Royal Gold Medal.

Alexandria Road Estate, em Camden, Londres.

Alexandria Road Estate, em Camden, Londres. (Martin Charles/RIBA Collections/Royal Institute of British Architects)

“Neave foi um pioneiro: ele nos mostrou como o rigor intelectual, o urbanismo sensível, sua habilidade de design suprema e determinação podem promover bem-estar para as comunidades locais que ele serviu tão bem em Camden”, observou Ben Derbyshire, presidente do RIBA, de acordo com o Dezeen. “Suas ideias, para habitação de alta densidade e de baixa elevação com espaço exterior privado para todos os residentes, ainda representam um antídoto radical para grande parte do produto imobiliário não pensativo, para não dizer degradante, da época. A contribuição de Neave para a arquitetura não será esquecida”, completou.

Casa do arquiteto dentro do 22-32 Winscombe Street, em Camden, Londres.

Casa do arquiteto dentro do 22-32 Winscombe Street, em Camden, Londres. (Martin Charles/RIBA Collections/Royal Institute of British Architects)

Confira, abaixo, o vídeo oficial da entrega da Royal Gold Medal à Neave Brown:

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s