Projeto do escritório OMA para o MPavilion é divulgado

O escritório criou um anfiteatro circular com múltiplas configurações para a exposição em Melbourne, na Austrália

MPavilian

 (Reprodução/ArchDaily)

Para o seu quarto ano de exposição, o MPavilion receberá um projeto do escritório OMA. A Naomi Milhave Foundation divulgou as ilustrações de como o anfiteatro desenhado por eles ficará no parque Queen Victoria Gardens, em Melbourne, na Austrália.

MPavilian

 (Reprodução/ArchDaily)

Composto por elementos estáticos e dinâmicos, a estrutura será construída em uma colina artificial de plantas nativas. A construção permitirá múltiplas configurações, sendo um espaço para debates públicos, workshops de design e eventos de arte e música.

O MPavilion trará um anfiteatro circular coberto por uma estrutura de teto flutuante. Um dossel com telhado translúcido permitirá a iluminação natural em eventos públicos gratuitos. A arquibancada será móvel, para possibilitar diferentes usos do pavilhão.

MPavilian

 (Reprodução/ArchDaily)

Este é o primeiro projeto do OMA na Austrália. MPavilion é um projeto que pretende provocar discussões sobre o que a arquitetura pode fazer a nível global e em um contexto australiano. Nós estamos interessados em tratar este pavilhão não apenas como um objeto arquitetônico, mas como algo que injeta intensidade na cidade e contribui para uma cultura em constante evolução, afirmou o escritório ao site ArchDaily.

Confira o vídeo em que os designers do OMA e a fundadora do MPavilion comentam sobre o projeto deste ano (em inglês):

Ano passado, o pavilhão foi feito pelo escritório Studio Mumbai e chegou a ter mais de 94 mil visitantes durante a sua exposição. A construção do projeto do OMA começará em agosto e o MPavolion ficará aberto ao público entre 3 de outubro de 2017 e 4 de fevereiro de 2018.

 (Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.