2 mil flores suspensas decoram fachada de prédio em Milão

A instalação foi pensada durante a Semana de Design de Milão e conta com diferentes espécies de plantas

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

As flores estão tomando conta da Europa com a chegada da primavera, mas em Milão, elas também estão subindo pelas paredes. Este prédio industrial está com uma instalação com mais de duas mil flores cobrindo a sua fachada. 

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

O escritório de arquitetura Piuarch desenvolveu o projeto durante a Semana de Design de Milão e traz rosas, lírios, lavandas e outras plantas para a Flowerprint”. 

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

Com tantas cores e texturas diferentes, as flores transformam a fachada do prédio a todo instante, devido as variações de luz e de vento.

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

As plantas foram dispostas graças a ajuda de uma técnica antiga, em que flores cortadas têm seus caules inseridas em batatas, as quais fornecem todos os nutrientes e a estrutura necessários para a vida da planta.

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

A instalação também conta com perfumes da Verdevivo e da Adar Outdoor Fragrances para criar uma experiência olfativa mais intensa.

Confira mais fotos!

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/)

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

 (Reprodução/Designboom)

Prédio em Milão ganha fachada com 2 mil flores suspensas

Fonte: Designboom

VEJA MAIS

9 tetos com flores suspensas para você se inspirar

10 flores amarelas para ter no seu jardim

 (Divulgação/Revista CASA CLAUDIA)

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.