5 estilos de décor baseados em músicas do Ed Sheeran

E se a música pudesse inspirar a decoração? Nós imaginamos - e te mostramos!

 (Divulgação/Asylum Records UK/Atlantic Records)

Você já pensou que a música pode te ajudar a adicionar personalidade na decoração? Na última semana, o cantor e compositor britânico Ed Sheeran esteve no Brasil e nós resolvemos traduzir as descrições de suas canções ultrarromânticas em estilos de décor. Parece loucura, mas pode acreditar: não é só possível como também inspirador. Confira:

*preparamos uma playlist no Spotify com todas as músicas – aperte o play enquanto lê!

1. Castle on the Hill

Um dos primeiros singles de Divide, Castle on the Hill é uma daquelas músicas perfeitas para ouvir em uma viagem de carro. Nela, o tema central é a infância do britânico nos campos do interior da Inglaterra, onde ele considera ser sua casa. No décor, é possível imaginar uma paisagem campestre exuberante e um estilo rústico de fazenda onde os arredores são protagonistas.

Pé-direito duplo, atmosfera de galpão e décor neutro foram algumas das escolhas usadas pelo escritório Ouriço Arquitetura no projeto desta casa, no alto da serra fluminense. O objetivo era ressaltar a natureza exuberante que habita no terreno de oito mil metros quadrados.

Pé-direito duplo, atmosfera de galpão e décor neutro foram algumas das escolhas usadas pelo escritório Ouriço Arquitetura no projeto desta casa, no alto da serra fluminense. O objetivo era ressaltar a natureza exuberante que habita no terreno de oito mil metros quadrados. (MCA Estúdio/Revista CASA CLAUDIA)

2. Photograph

O poder do amor de machucar e curar é o tema central de Photograph. Impossível não recordar de nossas imagens favoritas enquanto o cantor revela que guarda as memórias em fotos, como uma forma de ‘congelar’ momentosO tema tem tudo a ver com a tendência das gallery walls, que incentivam a criação de uma composição de fotos e obras de arte que cobre a parede e expõe a personalidade de quem vive ali.

Nesta sala (à esquerda), os tamanhos e molduras diferentes não impediram que a composição das obras fosse harmônica. À direita, as obras coloridas deixaram o ambiente, assinado pelo escritório Korman Arquitetos, ainda mais alegre. Ali, paisagens, retratos e formas geométricas conversam entre si.

Nesta sala (à esquerda), os tamanhos e molduras diferentes não impediram que a composição das obras fosse harmônica. À direita, as obras coloridas deixaram o ambiente, assinado pelo escritório Korman Arquitetos, ainda mais alegre. Ali, paisagens, retratos e formas geométricas conversam entre si. (Marco Antonio/Divulgação/Revista CASA CLAUDIA/Korman Arquitetos)

3. Lego House

Uma das primeiras músicas famosas de Ed, Lego House é uma graça. A referência aos blocos de Lego da nossa infância é usada para explicar a importância da flexibilidade em um relacionamento. Essa versatilidade pode ser representada por ambientes modulares, customizáveis de acordo com as necessidades e desejos de cada morador.

Neste ambiente de 38 metros quadrados, o escritório TRiART Arquitetura e o Estúdio +55 criaram um mobiliário multifuncional. O principal é o sofá, que tem dois lados e estrutura tanto o living quanto a sala de jantar. Para dividir os espaços, um banco faz vezes de divisória, bar e apoio ao sofá.

Neste ambiente de 38 metros quadrados, o escritório TRiART Arquitetura e o Estúdio +55 criaram um mobiliário multifuncional. O principal é o sofá, que tem dois lados e estrutura tanto o living quanto a sala de jantar. Para dividir os espaços, um banco faz vezes de divisória, bar e apoio ao sofá. (Divulgação/TRiART Arquitetura)

4. Thinking Out Loud

Música-tema de muitos casais, Thinking Out Loud é outro sucesso absoluto do cantor. Nas frases, ele conta como projeta sua vida a dois, prometendo, com 23 anos, amar sua parceira até os 70. No décor, essa viagem no tempo pode ser representada nos ambientes que integram o moderno e o vintage com harmonia por meio de móveis e objetos que são herança de família.

Abrigando o bar, a cômoda antiga (à esquerda) foi reformada e recebeu pintura em azul turquesa. Descolado, o ambiente projetado por Sofia Kozma também conta com neon, parede estampada e luminária metálica. À direita, a cabeceira foi feita com placa de aço enferrujada e é o ponto central do quarto, assinado pelos arquitetos Thiago Tavares e João Duaver. A cômoda e a luminária vintage complementam a pegada industrial.

Abrigando o bar, a cômoda antiga (à esquerda) foi reformada e recebeu pintura em azul turquesa. Descolado, o ambiente projetado por Sofia Kozma também conta com neon, parede estampada e luminária metálica. À direita, a cabeceira foi feita com placa de aço enferrujada e é o ponto central do quarto, assinado pelos arquitetos Thiago Tavares e João Duaver. A cômoda e a luminária vintage complementam a pegada industrial. (Salvador Cordaro/Denilson Machado/Revista CASA CLAUDIA)

5. Shape of You

Dançante, Shape of You  faz referências à bebida (tema recorrente no repertório do cantor). Ed certamente tem um canto para seus drinques favoritos em casa e não está sozinho: os bares têm ganhado mais força na decoração, recebendo seus próprios espaços em carrinhos, nichos e bandejas. Ideal para quem adora receber, a tendência prova que as garrafas de formatos diferentes complementam o décor.

Reforçando a presença da madeira, o carrinho (à esquerda) expõe as garrafas do morador com estilo e discrição. O projeto é do arquiteto Leo Romano. À direita, o modelo de avião é a estrela do ambiente, adicionando cor e representando o estilo industrial ao lado da foto e das instalações expostas. Quem assina é a arquiteta Barbara Filgueiras.

Reforçando a presença da madeira, o carrinho (à esquerda) expõe as garrafas do morador com estilo e discrição. O projeto é do arquiteto Leo Romano. À direita, o modelo de avião é a estrela do ambiente, adicionando cor e representando o estilo industrial ao lado da foto e das instalações expostas. Quem assina é a arquiteta Barbara Filgueiras. (Edgard Cesar/Juliano Colodet/Revista CASA CLAUDIA)

Esperamos que vocês tenham gostado!

Beijos e até a próxima,

@missbruno e @molina_dan

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.