Sonha com um miniwedding? Veja estas dicas

Casamentos para poucas pessoas são simples e charmosos. Mas exigem planejamento, como conta uma especialista no assunto

Nem todo mundo sonha em casar, certo? E, mesmo quem pensa nisso muitas vezes quer uma cerimônia mais simples, e não um daqueles festões para 600 pessoas. Eu me encaixo nesse segundo grupo: meu casamento teve menos de 30 convidados – alguns estiveram conosco no cartório, outros chegaram somente para o almoço que oferecemos.

Mas sabe que esse casamento simples tem nome e virou moda? É o miniwedding. Para saber como organizar um evento desse tipo, conversei com a Karina La Farina, da Savoir-Faire, que deu dicas ótimas. Espia só:

  • Um miniwedding tem até 50 convidados.Até esse número, o controle de serviços pode ser feito de maneira mais caseira, intimista, para que os convidados se sintam realmente em casa”, diz a Karina.
  • Vale organizar o evento num espaço de festas, num restaurante, no salão do prédio ou até em casa, dependendo de onde os noivos moram. Se alguém da família tiver uma casa de campo, por exemplo, pode ser lindo oferecer um almoço no jardim, ou um coquetel no fim do dia. Com uma decoração caprichada, fica lindo!
  •  Em qualquer horário, cabe um miniwedding. “Para cada momento do dia, sugiro um modelo de recepção: um brunch pela manhã, um almoço um pouco mais tarde… Um encontro acompanhado do pôr do sol numa casa de praia pode ser incrível”, aponta a expert.
  • O cardápio vai de acordo com a personalidade dos noivos e o que eles desejam para a data. “Um almoço formal ou um jantar à francesa independem do número de convidados”, explica a wedding planner. Eleja opções sofisticadas ou mais descontraídas pensando no tom da festa que você sonha em oferecer, não em quantas pessoas estarão presentes.
  • Convites impressos são sempre mais charmosos: não é porque serão poucos convidados que você deve abrir mão de um carinho desses, ok?
  • E lista de presentes, precisa? “Acho sempre indelicado, embora quase todos usem esse recurso. Nesse caso tão intimista, acho desnecessário”, recomenda Karina.
  • Lembrancinhas são muito bem-vindas, pois demonstram um carinho com o convidado. “E, já que eles serão poucos, se for possível, capriche nessa hora. Dê um mimo pra ser usado para sempre, como uma caixinha para enfeitar o criado-mudo ou uma vela linda. Se essa não for a ideia, entregue doces, como pães de mel decorados ou macarons”, conclui a especialista.
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s