Cada detalhe da decoração deste apartamento conta uma história

A designer Carol Gay se mudou para um novo apartamento no Centro de São Paulo e, agora, vive com o namorado. Nos ambientes cheios de memórias, há peças feitas por ela ao longo da carreira e outros achados.

cada-detalhe-da-decoracao-deste-apartamento-conta-uma-historia-0

“Customizar a casa com objetos meus, que eu fiz, é a parte mais gostosa” Carol Gay

Tenho amigos que moraram na Pça. da República e, desde a adolescência, gostava de caminhar pelas galerias e ir ao Theatro Municipal de São Paulo. Já mantinha certa relação com o lugar”, lembra a arquiteta e designer Carol Gay. Há quase cinco anos, ela decidiu morar com o namorado, o fotógrafo Marcos Cimardi, que, após visitar muitos apartamentos, optou por este de 190 m² – amplo e com um preço atraente comparado a imóveis em outros bairros, além da vantagem de estar próximo da família de ambos e do escritório dela, em Higienópolis. “As janelas são enormes e antirruído, temos vista para as árvores do Largo do Arouche e para o Elevado Presidente Costa e Silva, o Minhocão, que fecha à noite. É muito tranquilo”, diz ela. Uma pequena reforma foi necessária para unir os ambientes, que acolhem objetos queridos. Aqui, as peças criadas ao longo da carreira de Carol ganharam lugar marcado mas também há espaço para os achados que ainda virão. “Estou sempre pronta a encontrar algo diferente para a casa. Adoro feiras de antiguidades e lojas vintage. E o Centro possui muito disso.”

cada-detalhe-da-decoracao-deste-apartamento-conta-uma-historia-1

1. Detalhe da mesa Metro, de vidro, madeira e metro de alumínio, e do objeto de cristal encaixado em base de aço inox escovado, ambos criações de Carol.

cada-detalhe-da-decoracao-deste-apartamento-conta-uma-historia-2

2. Na lateral da sala, ficam expostas mais peças assinadas pela moradora: o revisteiro vermelho U e a luminária Gonzaguinha, sobre a mesa laranja da Kartell.

cada-detalhe-da-decoracao-deste-apartamento-conta-uma-historia-3

3. Próximas da janela estão a poltrona Moleca, de Sergio Rodrigues (1927-2014), uma mesa de centro azul feita na época em que Carol foi designer da Tok & Stok, e a cadeira Cinto, confeccionada com cintos de segurança. Os estofados à esquerda e a mesa de madeira, ao centro, são da Desmobilia. Já o pendente foi comprado no Lar Escola São Francisco.  

As indicações de Carol Gay

Ela sugere lugares aos quais costuma ir a pé, inclusive um que serve café da manhã caprichado.  

Confira todas as moradas que fazem parte deste especial do Centro de São Paulo.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s