Casa de faculdade vira morada moderna para família de arquiteto

Em Londres, a casa do século 19 fez parte da Goldsmiths University e estava abandonada antes de cair nas mãos do arquiteto Henri Bredenkamp

01-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

Quem vê os ambientes modernos, aconchegantes e bem iluminados da Study House, em Londres, nem imagina que a casa costumava ser usada como sala de aula pela Goldsmiths University.

02-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

Renovada completamente pelo arquiteto Henri Bredenkamp, da Studio 30 Architects, para ser a nova casa de sua família, a construção vitoriana do século 19 estava abandonada e precisava urgentemente de uma solução que trouxesse iluminação natural ao seu interior.

03-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

Para atingir esse objetivo e abrir os ambientes – antes compartimentados – a principal decisão do de Bredenkamp foi reformar e estender o porão, aumentando a altura do teto e adicionando um anexo nos fundos.

04-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

“O escopo para desenvolver os andares convidou a oportunidade de introduzir um espaço pé-direito duplo, adicionando drama e criando um espaço semelhante a uma galeria”, o arquiteto contou à Dezeen, que publicou o projeto.

05-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

Após as mudanças, as áreas comuns foram totalmente integradas, também ligadas ao jardim por meio de portas dobráveis. Ali, diversas paredes foram substituídas por panos de vidro, criando uma maior interação com o exterior e deixando a luz natural passar livremente.

06-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

No interior, a mistura de cimento queimado, madeira e uma base branca define o décor moderno. Soluções como a estante da TV na sala e a prateleira modular do jantar foram exploradas para aproveitar ao máximo o espaço disponível.

07-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

Algumas características originais, como janelas de guilhotina, rodapés e persianas foram mantidos na casa, que organiza quartos no primeiro andar e, no segundo, o banheiro da família e o estúdio da esposa de Bredenkamp – o escritório do arquiteto fica atrás da cozinha.

08-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

No jardim, dois níveis separam a área de estar do gramado, onde uma casa na árvore foi construída para o filho do casal e serve como versão em miniatura da casa principal.

09-casa-universidade-vira-morada-familiar-londres

 (/)

banner_gotoshop_casa

 (/)

Clique e conheça a loja CASA CLAUDIA! 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s