Casa no interior de Minas tem vista deslumbrante de Nova Lima

Esta casa, erguida a poucos quilômetros de BH, presenteia com a melhor vista para o sinuoso mar de morros de Nova Lima, um dos berços dos minérios que nomearam o estado.

Na contramão das propostas indiferentes à vizinhança que marcam a ocupação de condomínios fechados, uma cultura habitacional que absorve uma porção cada vez maior do mercado do morar no Brasil e no mundo, esta casa nasceu e teve cada acabamento pensado para respeitar e valorizar a história natural no vale que ocupa. Projeto das arquitetas Ana Paula Mello e Flávia Frauches – profissionais com escritório nas capitais paulista e mineira, respectivamente –, chegou como um desafio visual duplo: valorizar o horizonte ondulado do vale mineiro, emoldurando-o inclusive para quem passa na rua, e ter a missão de organizar a disposição da bela coleção de obras de arte brasileira. “O projeto teve como ponto de partida a gentileza urbana para que não tirasse da rua a vista que existia quando o terreno estava vazio”, conta Ana Paula.

A dupla de arquitetas conta que um dos primeiros partidos do projeto era propor uma casa fluida e integrada. De fato, os ambientes se conectam visualmente e o fluxo entre as áreas internas e externas tem a naturalidade dos córregos entre as montanhas. Uma estrutura metálica dá corpo aos blocos, organizados em L e voltados, de um lado, para a paisagem e, de outro, para a rua. “Para isso, a porta de vidro do hall une os ambientes à piscina com a vista do vale.” Distribuir a coleção de arte moderna e contemporânea não foi exatamente um problema, trabalhamos como se fosse um delicioso quebra-cabeça”, compara Ana Paula. O que não faz da casa um lugar apenas fotogênico. Pelo contrário, há espaço de sobra para o bem-estar e o descanso da família com dois filhos em idade universitária. Ela seria usada, originalmente, somente nos fins de semana. “Mas, como o condomínio fica a apenas 40 minutos de Belo Horizonte, os proprietários aproveitam a morada durante a semana também”, conta Ana Paula, com alegria.  

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s