Morar em casa: dá trabalho, mas é uma delícia

As vantagens e as desvantagens de morar em casa (nossos leitores adoram, e nós concordamos). 

01-morar-em-casa-da-trabalho-mas-e-uma-delicia

 (/)

Prédios não param de pipocar nas grandes cidades. As casinhas vão desaparecendo e, à medida que ficam mais raras (e caras!), mais desejadas elas se tornam. Ganham algo de sonho, de mágico. E dá mesmo para entender: as casas carregam a promessa de que a vida urbana pode ser mais tranquila, ter uma escala mais humana. Não é verdade, caro leitor? Foi você que nos contou isso tudo, numa enquete rápida que fzemos no Facebook e na Comunidade CASA CLAUDIA, na internet. Beatriz Ribeiro Machado escreveu: “Nos dias de hoje, em que ter privacidade é cada vez mais difícil, morar em casa dá a sensação de que um pedaço do mundo é seu, só seu”. Para Maria Clara Sampaio, “morar em casa é muito mais aconchegante. Dá para cultivar um jardim, as crianças brincam como antigamente, a vida parece correr mais devagar”. Casa quando é boa tem o jeito do dono, e muitos leitores destacaram que, diferentemente de um apartamento, você pode (autonomia suprema!) fazer a reforma que quiser. “O maior prazer é pintar a fachada com a cor que você mais deseja sem ter que discutir em reunião”, disse Wania Spada Granja. Ah, e você não paga condomínio (a não ser que a casa fique em um). As festas podem ir até mais tarde, com música alta e risadas. “Não preciso me preocupar com os barulhos domésticos”, contou Katia Milesi. E, se você gosta de animais, um cachorro bem grande pode virar o dono do seu quintal. Mas nem tudo são fores, festa e música alta nessa vida. Casa é tudo de bom, mas dá bastante manutenção. De tempos em tempos, é necessário repintar o portão e a fachada (mas você pode escolher a cor, lembra?), chamar o jardineiro, limpar a caixa-d’água, dar uma geral no telhado. Sem falar na calha, aquela que entope sem mandar aviso. Você terá encontros inesquecíveis com o zarcão e a manta asfáltica e pagará por isso. Nossa leitora Adriana Vergani, espertíssima, ensinou: “Aconselho a todos reservar um dinheiro na poupança para essas despesas todos os meses”. Outra questão é a segurança, que também pede um investimento. “Cerca elétrica, muro alto, alarme, grades nas janelas, videofone para identificar quem chega: esses gastos são o maior problema de morar em casa”, escreveu Kau Tietjen. Bom, esses são os grandes inconvenientes. Existem os menores: a campainha que toca a toda hora, a falta de porteiro para receber encomendas, a chuva que molha a roupa no varal. Nosso objetivo ao falar deles aqui não é desestimular ninguém. Só lembrar que todo amor tem um lado B. Como disse a leitora Eli Martins: “Na casa há o jardim, a churrasqueira, a piscina, e tudo isso requer uma manutenção, que não é fácil. Mas aí também está a grande diferença: desfrutar do verde, tocar a grama e sentir a liberdade não tem preço!”

02-morar-em-casa-da-trabalho-mas-e-uma-delicia

 (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s