Obras de arte e móveis de design assinado no apartamento carioca


Quando o vidro da varanda se recolhe e a vista do horizonte se torna onipresente, a sala de estar desta cobertura, em frente à praia de  São Conrado, parece flutuar.

 

A primeira encomenda feita ao arquiteto André Piva foi a decoração da casa de Angra dos Reis da família. “Ele acertou em cheio e deixou, como em um passe de mágica, os ambientes mais arejados e convidativos”, elogia a proprietária, fã do traço contemporâneo e de linhas retas do arquiteto. Logo depois, ele voltou a ser convocado para reformar o imóvel em que moravam na época, localizado em um condomínio da Barra da Tijuca. “Era impressionante sua capacidade de entender exatamente o que valorizávamos e o nosso estilo de vida. Fazemos questão de conforto acima de excessos e frescuras”, revela ela, mãe de três filhas – de 17, 15 e 8 anos. Quando, recentemente, resolveram se mudar para São Conrado, bairro mais prático para organizar a rotina, se encantaram com esta cobertura de 600 m². A vista de 360 graus, entre o mar e a montanha, hipnotizante foi o fator determinante para a escolha do apartamento, que, fechado há mais de sete anos, precisava ser reinventado. De cima a baixo, literalmente. “O espaço era perfeito, mas estava antiquado e mal conservado. Só mantivemos na mesma posição a sala de estar, que incorporamos à varanda, unificando o piso. De resto, não sobrou quase nenhuma parede original”, lembra a proprietária.

Como o arquiteto André Piva reformou o apartamento

 

Mais uma vez, foi Piva o convocado para dar forma ao lar da família. “Eu sabia que não adiantava escolher revestimentos muito rebuscados. Eles gostam de um clima descontraído. Sugeri então fazer, no piso de baixo, uma planta convencional, com estar, cozinha, área de serviço e quatro suítes, para o casal e as filhas. O andar do terraço foi ocupado com um loft, desenhado como uma caixa de vidro e com pé-direito de 5 m. O visual ali é clean, sob medida para o azul do mar tomar conta, entrando por todos os lados”, explica Piva. Logo que o quebra-quebra começou, os revestimentos foram sendo escolhidos seguindo a cartilha dos proprietários, que são avessos a muita manutenção. Assim, o limestone foi eleito para forrar o piso do estar, a madeira de demolição molda a escada e a porta de entrada no hall, além da parte íntima. Nas paredes, o estuque veneziano de tom cinza expõe uma textura que parece cimentado. “Esse contraste de uma base mais rústica no primeiro piso com uma decoração contemporânea e limpa tornou os ambientes bem atraentes. Em cima, a decoração é mais jovem, com um tom levemente pop. Ali é o espaço das filhas”, acrescenta Piva. 

Os móveis antigos e as obras de arte

 

Assim que a cobertura ficou pronta, os proprietários trouxeram grande parte de seus antigos móveis, peças queridas que fazem parte de sua história. “Mas nem tudo funcionou aqui. As proporções eram diferentes”, revela a dona da casa. O sofá em formato de L, mais generoso, foi uma das primeiras aquisições para o novo lar, assim como as luminárias assinadas. “A mesa de jantar, cadeiras, sofá de couro da Interni e até a chaise de Niemeyer eram do acervo da família. Mas todos passaram por uma boa renovada”, explica o arquiteto. O passo seguinte foi investir em uma coleção de arte, com obras de Daniel Senise, Nelson Leirner e Miguel Rio Branco. “Eles estavam dispostos a montar um acervo bacana. Então visitamos galerias e fomos escolhendo um acervo de peso. A tela de Senise ainda estava em produção quando eles a viram no ateliê e a reservaram. E a pintura sobre espelho, com 12 m de comprimento, de Carlito Carvalhosa, no loft, é um site specific. Ele veio ver o lugar, ficou encantado e fez essa proposta genial e surpreendente”, arremata o profissional.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s