Tendências do morar: Francesco Morace fala sobre a casa do futuro

Ambientes flexíveis e despojados, que servem como espaço de expressão pessoal, estão entre os novos jeitos de morar. 

abre-tendencias-do-morar

 (/)

O sociólogo italiano, do Future Concept Lab, falou à revista CASA CLAUDIA sobre como os novos comportamentos influenciam o jeito como vamos morar no futuro. Para ficar antenado com as tendências, leia a entrevista a seguir.

Como será a relação com a casa?

A relação com a casa será mais psicológica e pessoal, abandonando gradualmente os símbolos tradicionais de status, visando a máxima satisfação na relação com os móveis e utensílios domésticos. A estética e a função serão valorizadas na visão de consumo autoral: as famílias e os consumidores já não são passivos, mas criativos e proativos.

E a relação entre os moradores?

A relação entre os moradores, familiares ou parceiros será autônoma. Cada um terá o seu próprio espaço para a personalização e, até mesmo, crianças muito jovens começam a expressar seus gostos. Surge um fenômeno de consumo por meio do qual as diferentes gerações vão manifestar suas paixões, como cozinhar, ouvir música, com a participação coletiva de pessoas de diferentes idades.

Como serão guiadas as escolhas para a decoração?

A escolha do mobiliário será guiada pelas influências coletivas, culturais de cada geração, mesmo que a escolha e a compra final seja o direito dos pais ou daqueles que controlam as fontes de renda. O ponto de venda é importante, mesmo que as formas de venda on-line esteja crescendo em importância.

Quanto aos materiais e cores, como serão escolhidos?

As cores e os materiais não seguem tendências sazonais relacionadas aos ciclos de venda ou feiras, mas serão escolhidos com base no pensamento de design, os consumidores/ autores serão cada vez mais sofisticados e bem informados.

Que texturas serão mais desejadas?

Serão aquelas que combinam as características originais dos produtos e a funcionalidade em termos de resistência, durabilidade, segurança e capacidade de lavagem.

Quais as principais mudanças em relação ao último ano?

As tendências atuais mostram uma continuidade com os últimos anos, depois dos paradigmas do futuro se tornarem ainda mais claros: sustentabilidade, originalidade, felicidade de uso e de convívio.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s