Planeta Casa – Brasil à mesa

Como traduzir nosso jeito em cores e estampas? A pergunta inspirou os padrões das toalhas de mesa de tricoline do Projeto Botuáfrica, da ONG Instituto Botucatu, em parceria com a prefeitura de Botucatu, SP.

secoes-cc-ago-06

 (/)

“A ideia era oferecer geração de renda a comunidades de dois bairros da cidade: o 24 de Maio e o Jardim Marajoara”, conta Silvia Sasaoka, coordenadora da ONG. Logo surgiram duas oficinas com 40 artesãos. Ao orientá-los, a artista Monica Nador propôs a cultura afro-brasileira como tema para os desenhos nas técnicas de estêncil e pintura em tecido. Já o designer Renato Imbroisi ajudou a definir cores e desenvolver uma coleção de produtos. As toalhas são a primeira fornada. Custam entre 40 reais (1 x 1 m) e 145 reais(2,50 x 1,50 m), de acordo com a medida. Tel. (14) 3354-8427.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s