8 atitudes que só arquitetos e designers bem sucedidos tomam

Apesar de cada profissional ter seu próprio método de criação, existem alguns hábitos que são comuns aos arquitetos bem sucedidos. Saiba quais são eles

Destacar-se dentro do mercado da arquitetura e do design pode parecer uma missão difícil, mas não impossível. Os hábitos que você segue (e as atitudes que você toma no dia a dia) são decisivos na hora de consolidar uma carreira de sucesso.

Área de lazer com piscina

 (Reprodução/Houzz)

LEIA MAIS: Kees Christiaanse: “São Paulo tem um potencial enorme”

Por mais que cada profissional siga seu próprio processo de criação, há coisas em comum que todos os bons arquitetos e designers fazem. E você vai descobrir quais são elas agora:

1. Eles contam uma boa história

As lembranças que nós temos dos lugares estão diretamente ligadas a histórias. Uma casa que conta a história de um cliente em específico, em um determinado momento, torna a experiência dele com o projeto muito mais rica e inspiradora.

A narrativa pode ser construída de diversas maneiras dentro de cada obra: seja com a preservação de uma árvore ou daquele sofá que atravessou gerações, há sempre alguma memória a ser preservada (ou até revisitada) na reforma.

2. Eles não têm medo de se arriscar

Fugir do óbvio requer mais do que criatividade. É preciso ter coragem para ousar e inovar no projeto com ideias fora do comum e, de fato, colocá-las em prática. Isso não significa que absolutamente tudo no projeto exige inovação, porém ter uma visão mais ampla pode revelar soluções interessantes que sequer passariam pela sua cabeça em um olhar “dentro da caixa”.

Escada decorada com cabos de aço

 (Reprodução/Houzz)

LEIA MAIS: Brasileiros são premiados no iF Design Awards 2017

3. Eles exploram todos os detalhes (mesmo)

É verdade que a rotina dos arquitetos é basicamente baseada em resolver problemas. A diferença está no modo como os profissionais bem sucedidos são capazes de solucioná-los. Os detalhes não podem ser encarados apenas como… Detalhes. Eles não só importam como, muitas vezes, são o grande diferencial do projeto.

4. Eles simplificam a vida do cliente

Mais do que um ambiente bonito, o arquiteto deve entregar soluções que simplifiquem o dia a dia do cliente. Alguns profissionais acreditam que para despertar o interesse, é preciso apelar para projetos complexos. Mas será mesmo? Se algo não tem uma função clara dentro do ambiente, sua necessidade deve ser questionada.

Banheira revestida

 (/)

5. Eles estabelecem uma ordem

Bons designers costumam seguir uma metodologia de trabalho ordenando cada etapa, cada tarefa. Naturalmente, é preciso estabelecer uma hierarquia com suas prioridades, definindo o que é mais importante e o que pode ser deixado em segundo plano.

Ao iniciar um projeto, tente definir a ordem seguindo estes fatores principais: o local de construção, o cliente e o orçamento. Analise qual ponta do tripé é a mais forte e requer mais atenção, e elabore uma narrativa que una cada uma delas.

6. Eles são repetitivos

E essa não é uma característica ruim. Elementos temáticos comuns ou que se repetem dentro do ambiente ajudam a reforçar as prioridades do projeto e estabelecem uma ordem natural das coisas. Repetir padrões, materiais e proporções unifica o projeto e cria uma personalidade.

Fachada em madeira

 (Reprodução/Houzz)

7. Eles quebram as regras

O hábito de ser repetitivo exige também uma atitude transgressora. Uma vez que o padrão de repetição já foi estabelecido, você deverá ter em mente onde será possível violar as regras tradicionais.

LEIA MAIS: Paulo Mendes da Rocha recebe Medalha de Ouro do RIBA em Londres

Esta escada ilustra o poder de quebrar regras. O designer responsável reconsiderou cada elemento de uma escada tradicional, transformando-a praticamente em uma obra de arte.

Escada suspensa

 (Reprodução/Houzz)

8. Eles trabalham com todos os sentidos

Pensar o design a partir de um nível de experiência com os sentidos, muitas vezes, revela oportunidades arquitetônicas que tornam a vida em uma casa ou um lugar muito mais agradável. Bons arquitetos e designers pensam na iluminação, nas sombras, onde o sol se move ao longo do dia, de onde o vento vem e nos sons da redondeza – e como eles podem interagir entre si. 

Atitudes que arquitetos bem sucedidos tomam

 (Reprodução/Houzz)

Fonte: Houzz

banner2017

 (Divulgação/Revista CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s