Artista cria deserto sintético em museu de Nova York

A instalação de Doug Wheeler é projetada para minimizar o ruído e induzir uma sensação de espaço infinito

O artista americano Doug Wheeler transformou o Museu Guggenheim, em Nova York, em um verdadeiro deserto. Veterano do movimento conhecido como “Light and Space” nos anos 1960, o artista criou uma instalação que, em uma sala totalmente branca, foi projetada para transmitir a sensação de um vasto espaço infinito.

LEIA MAIS: Um dos últimos projetos de Niemeyer será construído na Alemanha

 (Reprodução/Interior Design)

Concebida originalmente em 1968, a instalação PSAD Synthetic Desert III também causa a impressão de um silêncio absoluto. Ela foi inspirada na região norte do Arizona, onde Wheeler viveu durante seis anos. No entanto, a sala branca não pretende representar a paisagem e é puramente abstrata.

 (Reprodução/Dezeen)

A instalação recebe até cinco pessoas por vez, que entram na câmara através de uma plataforma cercada em todos os lados por picos piramidais cinzas. Na frente, uma parede branca com bordas curvas faz os visitantes perderem o senso de profundidade.

 (Reprodução/Dezeen)

LEIA MAIS: Coleção do MASP é disponibilizada online no Google Arts & Culture

A iluminação, estrategicamente disposta entre o chão, a plataforma e as paredes, emite um brilho suave, produzindo superfícies gradientes e sutis.

 (Reprodução/The New York Times)

“Doug Wheeler alterou a estrutura e a configuração de uma galeria do museu, a fim de controlar a experiência óptica e acústica”, afirmaram os curadores Jeffrey Weiss, Francesca Esmay e Melanie Taylor. “Ele transformou a sala em um reino hermético, uma câmara projetada para minimizar o ruído e induzir uma sensação de impressão do espaço infinito”.

A instalação ficará em exibição no Museu Guggenheim até 2 de agosto de 2017.

 (Reprodução/The New York Times)

Fonte: Deezen

 (Divulgação/Revista CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s