Bienal de Arquitetura terá programação voltada para a arte

10ª edição do evento traz exposições que destacam a relação entre artistas e arquitetos 

Entre os dias 28 de setembro e 24 de novembro, São Paulo vai vivenciar a 10ª edição da Bienal de Arquitetura, que neste ano vai mostrar a relação das cidades com seus habitantes e usuários com o tema “Cidade: modos de fazer, modos de usar, modos de agir”. A arte, embora não seja o foco principal, surge com força nesta Bienal. Os curadores Guilherme Wisnik, Ligia Nobre e Ana Luiza Nobre preparam algumas exposições que ressaltam sua afinidade com a arquitetura. 

Uma das mais relevantes ocorre no MASP, onde obras de Lina Bo Bardi, Vilanova Artigas, Cildo Meireles e Helio Oiticica colocam em evidência a relação entre arquitetos e artistas brasileiros nas décadas de 1970 e 1980. 

Outra exposição no Centro Cultural São Paulo traz a fotografia de Michael Wolf e Jorge Taboada, revelando a densidade dos espaços urbanos contemporâneos. Já o Centro Universitário Maria Antonia (USP) reúne fotos do livro Arquivo Brasília, na qual os artistas Michael Wessely e Lina Kim exploram o processo construtivo da capital federal. 

Os curadores selecionaram, ainda, por meio de uma chamada aberta, mais de 50 trabalhos e propostas arquitetônicas, urbanísticas, artísticas e políticas, que serão expostos no Centro Cultural São Paulo. Confira a lista dos profissionais: 

Adam Kurdahl | Novo Sao Paulo!

Alvaro Puntoni | Continuidade e Transformação: O Chão Público de Brasília Sede do Sebrae, 2008-2010

Ana Fernandes | Saramandaia Existe

André Lompreta | Homeless World Cup Legacy Center

Andréa Medeiros Helou | Tiquatira em construção

Andres Sandoval | 37 Empenas

Angela Kayo | Onde Passava O Rio Pinheiros

Barbara Cutlak | Aproximações

Bernhard König | Design Your Free Local Menu!

Beto Shwafaty | Barricada Dignidade – diagrama n.1: para uma possível resistência produtiva

Carla Caffé | A(E)REA Paulista

Carlos Leite | Laboratório de Co-criação em Territórios Informais Heliópolis

Celso Sim | Penetrável Genet

Ciro Miguel | Miniatura

Clarissa Morgenroth | Conjunto Vazio

Daniel Escobar | Continuous

David Chambers | Animating Architecture: Learning from Rio de Janeiro

David Sperling | Cartografias: espaço + informação

Enio Moro Junior | Arquitetura Paulista de Metrô a Metrô

Fabiana Santos Araújo | Mapeando Campos de Futebol no Rio de Janeiro: Uma Rede “Invisível” de Espaços Públicos

Fábio Ozias Zuker | Práticas de Escuta da Cidade

Federico Wulff Barreiro | Forum Public Space

Fernanda Gomes | Picnic em trânsito

Fernando Henrique Tourinho Filho | Default Urbano

Fernando Maculan | Noite Branca no Parque e FIT – Festival Internacional de Teatro

Franklin Lee | Workshop de Intervenções urbanas em Micro-Escala

Henrique te Winkel | Arquitetura por Subtração

Jacob van Rijs – MVRDV | Free Land

Jacob van Rijs – MVRDV | Vertical Villages

João Sodré | Elevado 3.5

Louise Marie Cardoso Ganz | Bicicletas Ambiente – economias de quintal

Luana Geiger | Piscina no minhocão

Marilia Salva Rocha Franco | São Paulo: Vestígios de Uma Metrópole Fluvial

Martin Corullon | S. Paulo

Martina Croso Mazzuco | Cambuci Escadaria Criativa

Otávio Barbosa de Almeida Neto | Sem número

Pedro Évora | Modelo Vivo

Pedro Nitsche | Fluxos

Pedro Varella Jiquiriçá | Rio Metropolitano – guia para uma arquitetura

Philippe Jorisch | SP2014.NET

Rafael Misato | Praça de skate, Ourinhos

Raphael Martins Escobar | Sistema Cinza

Renata Minerbo Strengerowski | Projeto Coruja

Rodrigo Scheel | Casa Aberta

Rosalie Genevro | Little Free Library/NYC

Rubens Adler Amatto | Música de Fazer, Música de Usar

Taneha Bacchin Kuzniecow | Reading the incremental occupation of territories

Tatewaki Nio | Escultura do Inconsciente

Thais Baumberger | Sailing the Islands of São Paulo: Enclaves and Exclaves

Tiago Castelo Branco Lourenço | Comunidade Emanuel Guarani Kaiowá

Tuca Vieira | V. se encontra na posição da seta

Umberto Bonomo | Portales neighborhood unit: birth and death of a communitarian project

Vito Macchione Ferreira | yf

Zachary Aders | Smart Connections

 

Bienal de Arquitetura de São Paulo

Quando: de 28 de setembro e 24 de novembro.

Onde: Centro Cultural São Paulo, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand – MASP, Centro Universitário Maria Antônia, Museu da Casa Brasileira, Praça Victor Civita, SESC Pompéia, Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes, Teatro Oficina e em um apartamento localizado ao lado do Minhocão.

Mais informações: http://www.facebook.com/xbienaldearquitetura

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.