Os nomes que se destacaram na Maison&Objet Paris 2017

Em sua 22ª edição, a feira francesa aconteceu de 20 a 24 de janeiro e reuniu 6465 marcas – confira os nomes que se destacaram

Uma das maiores feiras de design e decoração de interiores, a Maison&Objet Paris teve sua 22ª edição na semana passada, entre os dias 20 e 24 de janeiro. A revista CASA CLAUDIA marcou presença no Parc des Expositions Nord Villepinte, onde 6465 marcas foram reunidas, cheias de novidades e boas ideias. Confira, abaixo, cinco nomes que se destacaram:

1. Pierre Charpin: designer do ano

01-os-nomes-que-se-destacaram-no-maison-objet-paris-em-2017

 (Reprodução/Morgane Le Gall/Maison et Objet Paris)

Filho do escultor Marc Charpin, o designer, artista e cenógrafo, o francês Pierre Charpin foi escolhido como o designer do ano da edição de 2017 da Maison & Objet Paris. “Pierre Charpin se devota a criar uma forma poética de minimalismo que é expressada em um jardim secreto de objetos e mobiliário com uma aura graciosa”, a página oficial da feira explicou. “Cadeiras, jarras, carrinhos, mesas e poltronas todas adoram a sua atenção delicada e, do limbo material, seus espíritos mostram sua gratidão sussurrando ao seu ouvido ideias para formas únicas e arquetípicas”.

Slice - Reedition Cinna 2016 © DR Slice – Reedition Cinna 2016 © DR

Slice – Reedition Cinna 2016 © DR (Reprodução//Maison et Objet Paris)

Confira a homenagem no vídeo abaixo:

2. Patricia Urquiola: coleção Urkiola Collection para Georg Jensen

03-os-nomes-que-se-destacaram-no-maison-objet-paris-em-2017

 (Reprodução//Maison et Objet Paris)

A designer e arquiteta espanhola Patricia Urquiola é a mais nova colaboração de design da Georg Jensen. Na coleção, acessórios de mesa em aço inoxidável em dourado e prateado incluem bandeja, candelabro e bowls e jarras de diferentes tamanhos.

3. Tom Dixon: 8 novas coleções voltadas para o banheiro

04-os-nomes-que-se-destacaram-no-maison-objet-paris-em-2017

 (Reprodução//Maison et Objet Paris)

A preferência pelo look cromado marca as novas coleções do britânico Tom Dixon. Ecletic, Spot, Lid, Stone, Plane, Bone, Bash e Beat reúnem mais de 20 novidades – entre luminárias, bowls, caixas e sabonete – focadas no ambiente do banheiro. “Nós temos trabalhado em uma variedade de banheiros em hotéis, spas, apartamentos e restaurantes e isso revelou uma paixão recém-descoberta pelo décor de banheiros e cozinhas”, o designer contou na apresentação de suas novas coleções em seu site.

4. Zaha Hadid: adições às coleções de sucesso

05-os-nomes-que-se-destacaram-no-maison-objet-paris-em-2017

 (Reprodução/Mark Colliton London UK/Maison et Objet Paris)

A marca Design Collection da arquiteta iraniana (1950-2016) lançou, na feira, algumas novidades e adições às coleções existentes. A dupla de moedores de sal e pimenta de aço inoxidável é um dos destaques. Vasos e bowls foram adicionados às coleções Serenity e Braid, assim como vidros na Sketch e acessórios de jantar na Beam.

5. Ghidini 1961: novos acabamentos

ghidini-os-nomes-que-se-destacaram-no-maison-objet-paris-em-2017

 (Divulgação/)

Há mais de 50 anos no mercado, a marca de Stefano Giovannoni e Ghidini Giuseppe Bosco apresentou novos acabamentos para a coleção Brass Ensemble, apresentada no ano passado. Entrando na tendência dos metálicos, os objetos assinados por Andrea Branzi, irmãos Campana, Elisa Giovannoni, Stefano Giovannoni, Richard Hutten, Studio Job e Nika Zupanc agora podem ser encontrados em tons como aço polido, cromo, preto laqueado, dourado rosé e bronze acobreado.

Veja também: Os destaques da Maison et Objet Paris 2017

banner2017

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.