Apartamento de 160 m² ganha charme com decoração minimalista

Assinado pelo arquiteto Giuliano Marchiorato, este apartamento em Curitiba ganhou um projeto intuitivo que esbanja elegância e sofisticação

Um lugar contemporâneo e urbano. Essa era a vontade dos moradores deste apartamento de 160 metros quadrados em Curitiba, que convidaram o arquiteto Giuliano Marchiorato para realizar a reforma do local. A única exigência, no entanto, foi a utilização de uma obra de arte, o quadro de um índio, do artista Elon Brasil.

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

A reforma teve início já na planta, em desacordo com os padrões atuais de moradia. O layout aproveitava pouco do potencial do espaço. As áreas íntimas eram muito compactas, enquanto os ambientes sociais e a área de serviço usufruíam de uma metragem exagerada e pouco aproveitada, já que os cômodos eram todos segregados.

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

Para atualizar o projeto, as áreas sociais foram completamente integradas. A sacada foi fechada com uma pele de vidro e o piso foi nivelado para que os ambientes integrassem pessoas e espaços. Antes, o apartamento contava com quatro quartos pequenos, que se transformaram em três suítes modernas.

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

No hall de entrada, o quadro favorito da família dá as boas-vindas aos moradores e visitantes. “Para dar esse contexto lúdico, imaginamos esse índio em uma floresta de árvores. A partir desta ideia desenhamos painéis de lamina de imbuia natural para acolher essa obra de arte e, para complementá-la, adicionamos mais obras com temáticas florestais e naturais”, explica o arquiteto.

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

Para estabelecer uma unidade com o hall, o arquiteto aproveitou a parede estrutural cega abrigada no estar para continuar com a lamina natural de imbuia, que dá origem a um móvel mutante, ora painel, ora um grande armário para abrigar os pertences da família.

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

A cozinha integrada se tornou um verdadeiro espaço gourmet, onde todos os eletrodomésticos foram escondidos. A decoração segue um estilo clean e minimalista, que deixa prevalecer a mistura de elementos como a madeira e o jardim vertical. 

 (Eduardo Macarios/Giuliano Marchiorato Arquitetura)

 (Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s