Casa em SP mistura peças do design nacional com materiais brutos

A construção, com projeto assinado pelo arquiteto Luiz Paulo Andrade, tem 200 m², arquitetura contemporânea e espaços abertos muito bem iluminados

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

Quando procurava um terreno para a sua casa, o arquiteto Luiz Paulo Andrade se deparou com este espaço na Vila Madalena e imaginou uma casa com espaços amplos e bem iluminados. Assim, demoliu a construção que já existia ali e construiu seu lar, de 200 m², que divide com a esposa e duas filhas pequenas.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

O profissional investiu em uma arquitetura contemporânea, com peças do design nacional e mistura de materiais brutos. Na sala, a laje de concreto é aparente e as duas fachadas, da frente e do fundo, são inexistentes. Foram, na verdade, substituídas por caixilhos com vidro incolor. Isso permitiu maior amplitude visual e muita incidência de luz natural.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

As paredes de todo o pavimento térreo são de concreto moldado in loco. Pilares e vigas tiveram as superfícies lixadas e receberam uma demão de verniz acrílico incolor à base de água. Na cozinha, uma das paredes foi revestida com ladrilho hidráulico (Dalle Piagge), que coloriram a casa. A bancada de refeições também foi feita com concreto aparente. As cadeiras são do modelo Esqueleto, do designer Pedro Franco.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

Abaixo das escadas, portas e gavetas oferecem armazenamento extra. Na parede do corrimão, uma composição com quadrinhos de fotos das viagens em família enfeitam o caminho da subida.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

Na cozinha, um balcão dá acesso para o quintal, com jabuticabeira e vasos de manjericão, alecrim e hortelã.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

Nos fundos, o deque em cumaru recebe móveis específicos para área externa (Tidelli) e uma parede de escalada diverte a família.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

A cabeceira da cama no quarto principal recebeu aplicação de tecido que imita palha e ajudou a aquecer o espaço. Os criados mudos chamam-se Tetris e foram desenhados pelo próprio escritório de Luiz.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

O quarto das crianças ganhou paredes azuis com adesivos de nuvens e uma beliche modular (Tok&Stok) para acomodar as duas.

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

Casa na Vila Madalena mistura peças do design nacional com materiais brutos

 (Sidney Doll/Luiz Paulo Andrade Arquitetos)

 

 (Divulgação/CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s