Casa em terreno íngreme mescla o moderno e o contemporâneo

O projeto do escritório FGMF Arquitetos fica em São Paulo (SP) e privilegia a interação dos interiores com a paisagem ao redor

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

Esta casa, projetada pelo escritório FGMF Arquitetos para uma jovem família, fica em um terreno íngreme na cidade de São Paulo (SP). Para driblar as dificuldades de construir no local, os arquitetos decidiram propor uma ocupação orientada por níveis. No primeiro está localizada a garagem, o acesso principal e um jardim.

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

Ao fundo deste piso há um grande salão com escadas que acessam o pavimento inferior, onde estão as áreas de serviço, a cozinha e a sala de jantar com pé direito duplo, ligando a área inferior com os corredores e o home theater acima. A sala de estar está completamente aberta para a vista do jardim, da piscina e da paisagem ao redor.

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

A estrutura da casa mescla um muro de concreto de um lado, que conecta todos os níveis e organiza a escada principal que liga todos eles. O resto da estrutura é composto por uma estrutura de aço leve, permitindo áreas rodeadas por vidro o que promove uma maior integração com o lado externo.

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

A casa tem um estilo moderno e seus interiores buscaram refletir essa estética com mobiliário que corresponde ao passado modernista paulista, mas que também está de acordo com um estilo mais contemporâneo de design. Assim, peças clássicas como o sofá Womb de Saarinen foram mescladas com móveis de design contemporâneo de nomes como Jader Almeida, Marcus Silveira e Estúdio Bola.

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

O concreto reveste paredes e pisos. Na sala de jantar, uma grande luminária é o destaque. A peça foi projetada pelo FGMF e pelo Estúdio Prole e pode ser vista de diferentes ângulos da casa.

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

A paleta de cores é sóbria, com alguns toques de diferentes tons de azul.

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

O projeto foi finalista do Prêmio CASA CLAUDIA, que chega a sua 7ª edição neste ano. Inscreva-se e veja os projetos premiados nas edições anteriores.

Confira mais imagens:

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

 (Reprodução/Rafaela Netto/ArchDaily)

Fonte: ArchDaily

 (Divulgação/Revista CASA CLAUDIA)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s